Chuva aumenta nível de quatro reservatórios; Cantareira cai

Sistema que está na segunda cota do volume morto teve perda de 0,1 ponto porcentual

O Estado de S. Paulo

13 Dezembro 2014 | 12h37

SÃO PAULO - A chuva dos últimos dias aumentou o nível de quatro reservatórios que juntos abastecem cerca de 8 milhões de habitantes da capital e da Grande São Paulo: Guarapiranga, Alto Cotia, Rio Grande e Rio Claro, segundo dados divulgados neste sábado, 13, pela Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), tiveram aumento no volume de água armazenada. 


Já o Sistema Cantareira, responsável por fornecer água para 6,5 milhões de habitantes e que está na segunda cota do volume morto, teve queda de 0,1 ponto porcentual, passando de 7,5% para 7,4%. Segundo a Sabesp, a chuva acumulada no reservatório neste mês é de 30,7 milímetros de chuva, o que representa cerca de 17,5% da média história esperada para o mês. Já o Sistema Alto Tietê, que atende 4,5 milhões de pessoas, permanece estável neste sábado em 4,2%. 

Mais conteúdo sobre:
Crise da águaCantareira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.