Chega a 100 o número de vítimas identificadas pelo IML

Acidente envolvendo um Airbus da TAM , no último dia 17, deixou pelo menos 200 mortos

28 de julho de 2007 | 16h10

Mais três corpos de vítimas do vôo 3054  foram identificados neste sábado, 28. Ao todo são 100 as vítimas identificadas pleo Instituto Médico Legal (IML). Segundo a Secretaria de segurança pública, os corpos identificados são de Diogo Casagrande Salcedo, Vinicius Costa Coelho e Arthur Souto Maior de Queiroz.   Veja Também:      O local do acidente  Quem são as vítimas do vôo 3054  Histórias das vítimas do acidente da TAM  Galeria de fotos  Opine: o que deve ser feito com Congonhas?  Cronologia da crise aérea  Acidentes em Congonhas  Vídeos do acidente  Tudo sobre o acidente do vôo 3054   Mais cedo, o IML identificou também  Alejandro Guilhermo Camozzi e Ésio Siqueira Freitas.   O trabalho de reconhecimento das vítimas do vôo 3054 chega à fase mais difícil. Até a quinta-feira, os corpos eram reconhecidos sem exame de DNA. Agora, a equipe do IML começa a trabalhar nos casos mais complicados.   Na tarde de quinta, chegou à cidade o diretor do Instituto Geral de Perícias (IGP) do Rio Grande do Sul, Luiz Figueiredo Martins. Ele levou objetos das vítimas e 55 perfis genéticos de parentes que tiveram sangue coletado em Porto Alegre.   O acidente envolvendo o Airbus-320 da TAM deixou pelo menos 200 mortos no último dia 17. Vindo de Porto Alegre, o avião derrapou na pista de Congonhas, atravessou a Avenida Washington Luiz e se chocou contra um prédio da Tam Express.  

Mais conteúdo sobre:
Vôo 3054

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.