Google Street View/Reprodução
Google Street View/Reprodução

Chacina em Osasco deixa quatro homens mortos na madrugada

Segundo a Polícia Militar, três vítimas morreram no local; uma permanece internada no Hospital Municipal Antônio Giglio

Renata Okumura, O Estado de S.Paulo

11 Abril 2017 | 14h06
Atualizado 11 Abril 2017 | 16h38

SÃO PAULO - Quatro homens foram assassinados no Jardim Conceição, em Osasco, na região metropolitana de São Paulo, na madrugada desta terça-feira, 11. Segundo a Polícia Militar (PM), o primeiro ataque aconteceu na Rua Orlando Torres, onde três pessoas, identificadas como Rogério, Osias e Fernando, estavam na via pública quando foram surpreendidas por indivíduos que estavam em um Fox de cor prata e efetuaram disparos de arma de fogo contra as vítimas. Os bandidos conseguiram fugir do local. Rogério e Osias morreram no local.

Fernando foi socorrido e encaminhado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Osasco, mas também não resistiu aos ferimentos.

A segunda ocorrência aconteceu minutos depois na Avenida Victor Civita, também no bairro Jardim Conceição. Duas vítimas, identificadas como Calil e Danilo, foram feridas por disparo de armas de fogo também por homens que estavam em um Fox prata, de acordo com a Polícia Militar. Eles foram encaminhados ao Hospital Municipal Antônio Giglio. Danilo morreu, e Calil permanece internado, mas não corre risco de morte.

Ambas as ocorrências foram registradas às 2h20.

A Polícia Civil de Osasco informa que o Setor de Homicídios da Seccional instaurou inquérito policial para apurar a morte dos quatro homens, na madrugada desta terça. Até o momento, não há indícios de que estas ocorrências estejam relacionadas a casos anteriores. As investigações vão apurar os motivos dos crimes.

A Prefeitura de Osasco, por meio da Secretaria de Segurança e Controle Urbano, informa que as vítimas que morreram tinham 21, 22, 23 e 36 anos. Somente um tinha passagem pela polícia. O rapaz de 19 anos, identificado como Calil, segue internado no Hospital Municipal Antônio Giglio, e não tem passagem pela polícia.

Nas redes sociais, moradores do Jardim Conceição, em Osasco, relatam o medo.

Outros ataques. Há uma semana, no dia 4 de abril, dois jovens foram mortos da mesma forma quando quatro homens encapuzados desceram de um veículo e atiraram contra as vítimas em Osasco.

Com relação a outro crime que aconteceu no dia 2 de abril, o policial baleado permanece internado no Hospital Regional do município.

Mande sua notícia. Quais problemas você enfrenta no trânsito e no caminho para o trabalho? O metrô parou? Viu uma manifestação na cidade? Presenciou um acidente ou algo inusitado? Fotografou ou filmou um fato e quer compartilhar? Os usuários de WhatsApp podem agora usar o aplicativo para colaborar com o Estado. Envie vídeos, fotos ou apenas o seu relato ou ideia de pauta pelo número (11) 9-7069-8639. Suas sugestões serão apuradas por um repórter e podem ajudar as pessoas. Participe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.