Chacina deixa três mortos em Guarulhos

É o nono crime deste tipo na região metropolitana de SP; corpos estavam no porta-malas de um carro

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

03 de abril de 2008 | 02h56

Três pessoas, entre elas uma mulher, foram mortas na nona chacina registrada na região metropolitana de São Paulo. Os corpos foram encontrados por volta das 22 horas de quarta-feira, 2, na altura do quilômetro 87 da pista sentido SP-MG da Rodovia Fernão Dias, no Jardim Vila Galvão, divisa entre os municípios de Guarulhos e São Paulo. Eles estavam no interior do porta-malas de um Chevrolet Vectra prata.   Os bombeiros foram acionados para apagar o fogo no veículo e foram os primeiros a chegar ao local. Sem queixa de roubo ou furto, o veículo foi vistoriado por policiais rodoviários federais que encontraram os três corpos no porta-malas.   O carro está em nome de Gilvaneide Silva de Souza que tinha dado queixa de roubo no dia 29. Até as 02 horas desta quinta-feira, 3, a polícia ainda não havia conseguido entrar em contato com a dona do carro ou com parentes dela.   A polícia acredita que as vítimas foram assassinadas em outro local e que a intenção dos assassinos era destruir o carro para dificultar o trabalho da perícia. Os corpos foram encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Guarulhos. O caso foi registrado no 02º Distrito Policial de Guarulhos pelo delegado Paulo Matsumoto.   Com esse crime, sobe para nove o número de chacinas registradas até o momento na região metropolitana de São Paulo, com um total de 31 mortos. Destas, sete ocorreram na Grande São Paulo.   A terceira chacina do ano também ocorreu em Guarulhos. Na noite do dia 26 de janeiro, Maurílio Miranda da Silva, de 31 anos, Leonardo Eduardo Jatobá, de 28, e Tiago Alves, de 23 anos, foram mortos a tiros no interior de uma oficina de motos no bairro Lavras. O crime foi registrado no 07º Distrito Policial da cidade.

Tudo o que sabemos sobre:
Guarulhoschacinaassassinato

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.