CET-SP cria operação especial de trânsito para 2º turno

Agentes irão fiscalizar e orientar motoristas pela cidade; companhia fez algumas mudanças no tráfego

Luciana Fadon Vicente, Central de Notícias

29 Outubro 2010 | 12h43

SÃO PAULO - A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) montou para este sábado e domingo, 30 e 31, uma operação especial para monitorar o trânsito nas principais vias de São Paulo durante a realização do segundo turno das eleições. Segundo a CET, a operação visa garantir a segurança, a fluidez e a mobilidade dos eleitores no acesso aos postos de votação.

 

O esquema especial será realizado por mais de 700 agentes, em 120 viaturas, que irão orientar motoristas e pedestres nos arredores dos locais de votação. O monitoramento das vias será intensificado no domingo entre as 7h e 18h.

 

Confira algumas das mudanças para este fim de semana:

 

No domingo, o estacionamento estará liberado em locais sinalizados, exceto nas faixas exclusivas para ônibus, junto ao canteiro central e em vias de trânsito rápido, permanecendo em vigor as demais proibições.

 

O Elevado Costa e Silva, vulgo Minhocão, será liberado para tráfego no domingo, das 07h00 às 19h30.

 

A pista da esquerda da Av. Duque de Caxias, entre o Largo do Arouche e a Avenida São João, estará bloqueada no sábado, das 06h00 às 14h00, e no domingo, das 04h00 às 21h00 ou até o término do retorno das urnas. A CET informa que os veículos poderão utilizar a pista da direita da Av. Duque de Caxias, no trecho entre o Largo do Arouche e a Avenida São João.

 

A Rua Francisca Miquelina, entre as ruas Maria Paula e Aguiar de Barros, estará bloqueada ao trânsito no domingo, das 04h00 às 21h00 ou até o término do retorno das urnas. Os veículos poderão utilizar a Avenida Brigadeiro Luis Antônio e a Rua Aguiar de Barros.

Mais conteúdo sobre:
Eleições 2010 2º turno CET trânsito SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.