CET planeja pôr na internet infrações captadas por radar

Quem receber multa registrada por radar fotográfico e ficar em dúvida vai poder conferir, pela internet, se cometeu mesmo a infração. A ideia está em fase de teste pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), que quer colocar no site da companhia um banco de dados com as fotos das infrações cometidas por motoristas de São Paulo flagradas por câmeras. A ferramenta só deve entrar em funcionamento em meados de 2013.

O Estado de S.Paulo

26 Outubro 2012 | 03h03

Apenas o condutor terá acesso à própria foto: ele terá de digitar o número do Auto de Infração de Trânsito (AIT) impresso na notificação.

As imagens só ficarão disponíveis no sistema da CET por três meses a partir da data da infração. O sistema, porém, vai valer apenas para infrações cometidas desde 1º de setembro. Em São Paulo, de cada 10 infrações no ano passado, sete foram flagradas por radar.

O objetivo da Prefeitura é minimizar a quantidade de recursos. As multas de radares fotográficos já vêm com foto do veículo, mas apenas o modelo e a placa.

Além disso, nem sempre a imagem tem nitidez. As imagens do site serão mais amplas e registradas em sequência, para mostrarem com mais clareza a infração sendo cometida. / NATALY COSTA

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.