CET decreta estado de atenção em SP por causa da chuva

Único ponto de alagamento intransitável ocorre na Avenida do Estado, sob a Ponte Fepasa

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

02 de outubro de 2008 | 01h00

Apesar da intensidade da chuva ter diminuído em praticamente toda a capital paulista, o estado de atenção decretado pela Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) mantinha-se até as 2 horas, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego. Chove mais forte somente em pontos isolados da zona sul de São Paulo, nas regiões do Campo Limpo e Parelheiros. O único ponto de alagamento intransitável que chegou ao conhecimento da CET ocorre na pista sentido Ipiranga-Santana da Avenida do Estado, sob a Ponte Fepasa, região central da cidade. Funcionários da CET estão no local e auxiliam os motoristas. Voltou a chover forte no final da noite desta quarta-feira. No resto da cidade, a chuva é moderada. A CET registra outros cinco pontos de alagamento, porém todos transitáveis: um deles é na Avenida Eusébio Matoso, junto à Avenida Vital Brasil, no sentido centro-bairro, zona oeste; outro na Avenida Marquês de São Vicente, em direção à Barra Funda, próximo à Praça Paschoal Martins, também na zona oeste; na Rua da Cantareira, próximo à Avenida Senador Queiroz, no centro; na marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, 300 metros após a Ponte Aricanduva, na pista expressa, na zona leste; e na pista expressa, sentido marginal Tietê, da Avenida Aricanduva, na altura do nº 5 mil, na zona leste. Com a chuva da tarde, duas árvores caíram na cidade. Uma atingiu uma casa no bairro do Piqueri. A outra caiu na Rua Sergipe, próximo à Rua Sabará, em Higienópolis. Ela atingiu a fiação da Eletropaulo e provoca interdição da via. Equipe da concessionária trabalha no local e homens da CET providenciaram desvios, mas não há grande prejuízos para o trânsito. Na zona leste, a Avenida Águia de Haia está totalmente interditada próximo à Rua Juciri, devido a um acidente, ocorrido no início desta madrugada, com um caminhão, que bateu contra um poste da Eletropaulo. Ninguém se feriu, mas o poste foi ao chão e uma equipe da concessionária trabalha no local, para tentar solucionar o problema.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.