Cerca de 90 semáforos ainda não estão funcionando em SP

Desde sexta-feira, por conta das chuvas, cerca de 600 equipamentos apresentaram problemas

Solange Spigliatti - Central de Notícias,

27 Janeiro 2011 | 12h40

SÃO PAULO - Cerca de 90 semáforos ainda apresentavam problemas na manhã desta quinta-feira, 27, de um total de 600 equipamentos que registraram falhas por conta das chuvas dos últimos dias, segundo boletim da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

 

De acordo com o relatório, os equipamentos estão apagados ou apresentam o amarelo intermitente, em importantes vias da cidade, como Avenidas Celso Garcia, Aricanduva, do Estado, Brigadeiro Luís Antônio, Santo Amaro e Interlagos.

 

Veja também:

Acompanhe a situação do trânsito em São Paulo

 

Desde a última sexta-feira, por conta das fortes chuvas e do grande número de raios que caíram sobre a cidade, aproximadamente 600 semáforos apresentaram falhas, segundo a CET. Cerca de 80% desses equipamentos já foram consertados e até o fim da tarde de ontem 97% dos semáforos da cidade estavam operando normalmente.

 

Segundo a CET, equipes de manutenção semafórica próprias e de empresas contratadas continuam os trabalhos de reparos, mas ainda não há previsão para o término dos serviços.

 

A capital paulista conta com 6.072 cruzamentos semaforizados, segundo a CET, que registra em um mês sem chuva, em média, 43 ocorrências com semáforos quebrados por dia. Em meses de chuva, esse número aumenta, como em janeiro de 2010 quando foram registradas 2.667 ocorrências (média de 86 ocorrências por dia, ou seja, o dobro).

 

Congestionamento. A capital paulista registrava, às 12 horas, 64 quilômetros de lentidão, bem acima da média para o período, segundo a CET. As vias com maiores trechos de lentidão eram a Marginal do Tietê, nos dois sentidos, sentido Centro da Radial Leste e sentido marginal da Avenida Salim Farah Maluf.

Mais conteúdo sobre:
semáforos chuvas trânsito

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.