Casas atingidas por fogo em Diadema serão vistoriadas

Segundo a prefeitura, as propostas de reforma das casas serão apresentadas aos moradores

SOLANGE SPIGLIATTI, Agencia Estado

14 Abril 2009 | 08h00

As casas que foram atingidas durante um incêndio na empresa Di-All Química, em Diadema, no Grande ABC, no dia 27 de março, serão novamente vistoriadas por uma empresa de engenharia para dar início à negociação sobre prejuízos, segundo informações da prefeitura do município. Os moradores se reuniram na tarde de ontem, na sede da Secretaria de Assistência Social e Cidadania (SASC), com os representantes da assistência judiciária da prefeitura, para receber os detalhes das vistorias, que devem ser feitas ainda esta semana, e sobre as reformas nos imóveis.

 

Veja também:

mais imagens Galeria: as fotos do incêndio no galpão em Diadema 

Segundo a prefeitura, as propostas de reforma das casas serão apresentadas aos moradores no próximo dia 23 e se aceitas terão início imediato, com a disponibilização de um engenheiro para acompanhar todo o processo, de acordo com a prefeitura. Ficou definido também que cada família deverá apresentar um relatório com todos os prejuízos sofridos com o incêndio para ser entregue na próxima reunião.

A Defesa Civil do município entregou aos moradores o laudo de desinterdição das 18 casas afetadas pelo incêndio para que seus proprietários possam fazer limpeza e reforma das residências. Ao término das obras, será feita outra vistoria para emissão de novo laudo de desinterdição específico para que as famílias possam voltar a residir em suas casas.

Mais conteúdo sobre:
incêndio Diadema vistoria

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.