Casal morto comemorava aniversário

RIO

Alfredo Junqueira e Sergio Torres, O Estado de S.Paulo

29 de agosto de 2011 | 00h00

Um casal que decidiu passear de bondinho na tarde de sábado com a filha e o genro está entre os mortos do acidente. João Batista Assis Soares, de 63 anos, e Ivone da Silva Soares, de 56, foram enterrados ontem à tarde no Cemitério de Inhaúma. No mesmo local, pouco depois, foi sepultado o motorneiro Nelson Correia da Silva, de 57, que conduzia o veículo no acidente.

Aposentado, João Batista tinha feito aniversário no último dia 17 e, para comemorar, levou a mulher, a filha e o genro para almoçar na Lapa, na região central do Rio. Depois, resolveram ir a Santa Teresa, em um passeio decidido de última hora. Com costelas fraturadas, a filha do casal, Sabrina Monique, deixou o hospital para acompanhar o enterro. O genro está hospitalizado.

O motorneiro morto era funcionário da Central Logística, responsável pela rota Santa Teresa-Centro, havia 35 anos. Ele era o condutor do bonde no acidente de junho, no qual morreu o turista francês Charles Pierson, de 24 anos. "Nelson sofreu muito com aquilo. Ele estava aposentado, e continuava porque adorava os bondinhos", disse a amiga Salete do Socorro, de 61 anos.

O corpo de Cláudia Lilian Almeida Fernandes, de 43 anos, será levado ao Rio Grande do Sul, onde morava. A quinta vítima é Maria Eduarda Nunes, 12 anos. Os pais, muito feridos, continuam hospitalizados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.