Casal é morto a tiros a caminho da escola do filho em Osasco

Ninguém foi preso e ainda não se sabe o motivo do crime

Bruno Lupion, do estadão.com.br

13 de maio de 2010 | 06h13

 

 

SÃO PAULO - A caminho da escola para pegar o filho, por volta das 18h45 desta quarta-feira, 12, um casal foi assassinado a tiros por desconhecidos na altura do nº 54 da Rua Clarice Lispector, no Recanto das Rosas, zona sul de Osasco, região metropolitana de São Paulo.

 

Emerson Castilho Domingues, de 38 anos, procurado pela justiça, e sua mulher, Marilene Gomes de Moura, 35, estavam a cerca de 100 metros da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Zuleika Gonçalves Mendes quando vários tiros foram disparados contras eles, segundo a polícia. O casal morreu no local.

 

Uma mulher foi atingida no braço por uma bala perdida e encaminhada para o Hospital Municipal Antonio Giglio, no centro de Osasco, onde está internada sem risco de morte. Em decorrência do crime, as aulas do período noturno foram canceladas na escola onde o filho do casal estuda.

 

Ninguém havia sido preso até a madrugada desta quinta-feira, 13. O crime foi registrado no 1º DP de Osasco (Vila Pestana).

Tudo o que sabemos sobre:
homicídioOsasco

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.