Casal e criança morrem atropelados na zona leste de São Paulo

Família voltava para casa quando foi atingida por uma picape na calçada; filho tinha apenas dois anos

Ricardo Valota e Solange Spigliatti, do estadão.com.br,

24 de março de 2008 | 03h59

Um casal e seu filho foram atropelados, por volta das 17 horas deste domingo, 23, na região do Parque do Carmo, zona leste da capital paulista. Daiane Almeida Reinaux da Silva, de 18 anos, não chegou a ser socorrida e morreu no local. Já o marido dela, Marcelo Spinetti Macera, de 22 anos, e o filho deles, Pedro Henrique de Almeida Spinetti Macera, de apenas 2 anos, foram levados para hospitais da região, mas não resistiram aos ferimentos.   A família foi atropelada em frente ao número 277 da pista sentido Rodovia Ayrton Senna da Avenida Nova Trabalhadores (antiga Jacu-Pêssego). Eles voltavam para casa quando uma picape Ford Ranger prata, dirigida pelo comerciante Antônio Jannetta, de 45 anos, subiu na calçada.   Marcelo e o filho do casal foram resgatados pelo helicóptero Águia da PM. Levado para o Hospital Planalto, em Itaquera, Marcelo morreu enquanto era atendido; já o menino faleceu no Hospital Santa Marcelina, no mesmo bairro.   O comerciante, que parou para socorrer as vítimas, disse à polícia que perdeu o controle da picape após ser fechado por outro veículo. Ele foi indiciado por homicídio culposo. Após pagar R$ 3 mil de fiança, foi liberado e responderá o processo em liberdade.

Tudo o que sabemos sobre:
atropelamentoSão Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.