Casal é assassinado em boate na zona norte de SP

Marcio Torres e Selma dos Santos eram proprietários do local havia pouco mais de dois meses

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

28 de março de 2008 | 04h57

Um casal proprietário de uma boate localizada na Rua Dr. Zuquim, em Santana, foi morto a tiros, por volta das 20 horas de quinta-feira, 27, no interior do próprio estabelecimento comercial. Um homem não identificado desceu de um Corsa prata, que parou em frente à boate, e dirigiu-se até a porta. O criminoso chamou pelo proprietário, Marcio Torres, 35 anos. Márcio ainda correu, mas foi morto com dois tiros no bar da boate. A esposa dele, Selma dos Santos, 26 anos, tentou fugir, mas foi perseguida e atingida por outros dois tiros na cozinha do estabelecimento. Segundo o que foi apurado pela polícia, Márcio e Selma haviam realizado um empréstimo para comprar duas casas noturnas, entre elas esta que fica na zona norte, há 2 meses e meio. Aos policiais, uma prostituta que trabalhava disse que, ao escutar os tiros, se escondeu em um dos quartos da boate. A dívida para possíveis agiotas seria uma das hipóteses para explicar o crime, segundo a polícia.

Tudo o que sabemos sobre:
São Pauloassassinatoviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.