Casal de assaltantes detido durante seqüestro relâmpago em SP

Um terceiro criminoso segue foragido; trio rendeu a vítima e a colocou no porta-malas do carro

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

19 de junho de 2008 | 01h26

Um casal de assaltantes foi preso, por volta da 20 horas de quarta-feira, 18, após manter uma vítima de seqüestro relâmpago presa no porta-malas do veículo, na zona oeste da capital paulista. Um terceiro criminoso segue foragido. Armados com um revólver calibre 38, Michele Rosa Castro, de 20 anos, o motorista Elvis de Oliveira Canuto, de 29 anos, e um terceiro bandido, ainda não identificado, dominaram uma assistente de importação, de 28 anos, quando a vítima, em um Celta preto, estacionava o carro em frente a sua casa, no Jardim Ester Yolanda. A mulher teve de entregar a bolsa aos criminosos e foi colocada no porta-malas do carro. Policiais militares foram acionados por uma testemunha e localizaram o veículo saindo do estacionamento da loja do Hipermercado Carrefour na altura do quilômetro 17,5 da Rodovia Raposo Tavares, no Jardim Cambará. O terceiro assaltante, em posse de alguns dos cartões bancários da assistente, havia sido deixado pelos comparsas no interior do hipermercado, onde iria sacar dinheiro. A intenção do casal era dar uma volta com o carro na região e depois retornar para o Carrefour para pegar o colega, mas o carro foi interceptado pela polícia na saída do estacionamento. Com Michele e Elvis, os policiais apreenderam a arma, 140 reais que já haviam sido tomados da vítima e alguns pertences da mesma. Uma varredura ainda foi feita no interior do hipermercado, mas o terceiro assaltante não foi encontrado. O casal foi indiciado por roubo triplamente qualificado. Elvis, que já tinha passagem pela polícia por roubo, será encaminhado ao Centro de Detenção Provisória (CDP) de Osasco. Michele dever ser transferida para a Penitenciária Feminina, também em Osasco. O caso foi registrado no 75º Distrito Policial, do Jardim Arpoador.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.