Casa desaba e dona de casa escapa na zona sul de SP

Donos afirmam que causa de desabamento pode estar ligada às obras que estão sendo realizadas no vizinho

Ricardo Valota, do estadao.com.br,

27 de novembro de 2008 | 06h37

O eletricista Adomiro Walomory Artilheiro e sua esposa, Neusa Barbosa da Cruz, escaparam por pouco, por volta das 20 horas de quarta-feira, 26, de serem soterrados pelos escombros da própria casa, um sobrado de classe média localizado na rua Tapes, no Jardim Aeroporto, na zona sul da capital paulista. Na terça, Neusa, ao ouvir um barulho como se alguém estivesse arrombando a porta da casa, saiu até o portão. Ao ver que a casa estava ruindo, ainda teve tempo de deixar o imóvel, que veio abaixo por inteiro segundos depois. O eletricista não estava em casa, pois havia saído para ir até a padaria. Bombeiros e Defesa Civil foram acionados, mas ninguém ficou ferido. Adomiro e Neusa moravam lá havia 16 anos, desde que casaram, mas o sobrado pertence à família do eletricista e fora construído há no mínimo 40 anos. Segundo o eletricista, a possível causa da ruína seriam as obras que estão sendo realizadas no imóvel ao lado. Engenheiros da subprefeitura irão realizar uma perícia no local para avaliar o que causou o desabamento do sobrado.

Tudo o que sabemos sobre:
desabamentozona sulacidente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.