Casa de pais de ministro em SP é atingida por bomba caseira

Artefato foi lançado na noite desta terça, na garagem da residência em Araçatuba; Carlos Eduardo Gabas, da Previdência, acredita que tenha sido um ato de vandalismo

Priscila Trindade, estadão.com.br

18 Agosto 2010 | 16h13

SÃO PAULO - Uma bomba caseira foi jogada no final da noite de segunda-feira, 16, na casa dos pais do ministro da Previdência, Carlos Eduardo Gabas, em Araçatuba, no interior de São Paulo.

 

A Polícia Civil informou que o artefato foi lançado às 22h30 na garagem da residência. Apenas um veículo que estava estacionado no local foi danificado. Ninguém ficou ferido.

 

A ocorrência está sendo investigada pelo 3º Distrito Policial do município e pela Polícia Federal (PF). Até às 15 horas desta quarta-feira, 18, ninguém havia sido preso.

 

Segundo a assessoria do Ministério da Previdência Social, o ministro acredita que a bomba tenha sido um ato de vandalismo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.