Carro que atropelou filho de Cissa estava a 100 km/h, aponta perícia do IC

RIO

, O Estado de S.Paulo

10 Agosto 2010 | 00h00

A perícia feita no Siena dirigido por Rafael Bussamra, que atropelou e matou o estudante Rafael Mascarenhas, filho da atriz Cissa Guimarães, aponta que o veículo estava a cerca de 100 km/h no momento do impacto. O laudo do Instituto de Criminalística Carlos Éboli foi entregue ontem à delegada Bárbara Lomba, responsável pela investigação.

Rafael Mascarenhas foi atropelado na madrugada de 20 de julho, quando andava de skate no Túnel Acústico, na Gávea, zona sul do Rio, interditado para reparos. Amigos que estavam com o rapaz no momento do acidente disseram que os carros apostavam corrida. Em depoimento, Bussamra negou a acusação e afirmou que dirigia a 90 quilômetros por hora.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.