Carro de família de Mércia cai em ribanceira

Eles seguiam por uma estrada no interior quando começaram a ser perseguidos por 2 motos e sofreram um acidente

, O Estado de S.Paulo

25 Janeiro 2011 | 00h00

O irmão e a mãe da advogada Mércia Nakashima, assassinada no primeiro semestre de 2010, em São Paulo, sofreram um acidente de carro em Nazaré Paulista, a 53 quilômetros de São Paulo, na tarde de domingo.

O Kia Magentis prata em que eles estavam caiu de uma ribanceira de 15 metros de altura. Por sorte, segundo informações do advogado da família, Alexandre de Sá Domingues, parou sobre uma árvore.

De acordo com o relato das vítimas, eles foram seguidos por duas motocicletas na estrada. A polícia registrou o caso como tentativa de assalto, mas não descarta a suspeita de tentativa de homicídio, ligada à morte de Mércia.

O ex-namorado da advogada morta, Mizael Bispo dos Santos, ex-policial militar de 40 anos, é o principal suspeito da morte de Mércia e teve sua prisão decretada pela Justiça. Ele está foragido.

Regresso. Márcio, irmão de Mércia, e a mãe, Janete Nakashima, voltavam de uma viagem a Bom Jesus dos Perdões, onde visitaram um amigo. Eles seguiriam para o bairro do Taboão, em Guarulhos, onde uma tia de Janete estava comemorando aniversário. Por isso, resolveram usar a Rodovia Juvenal Ponciano de Camargo como alternativa. "Eles poderiam ter voltado pela Rodovia Dom Pedro 2º pela Fernão Dias, mas, como iam para o aniversário, resolveram pegar um atalho. Pode ter sido uma triste coincidência. Mas, em matéria policial, coincidências são sempre suspeitas", disse o advogado Alexandre.

Segundo ele, Márcio percebeu que duas motos o seguiam e não o ultrapassavam de jeito nenhum. "Pelo retrovisor, ele viu que o garupa de uma moto vermelha tinha em sua mão uma arma. Ficou tenso, tentou ultrapassar o Vectra que vinha à sua frente e perdeu o controle do carro", narrou. Márcio teve ferimentos leves e permaneceu consciente. Janete chegou a desmaiar. Os dois receberam ajuda de outros motoristas para sair do carro. Janete quebrou a clavícula e foi encaminhada para um hospital.

O irmão da advogada disse que não conseguiu anotar o número de placa da moto. Eles prestaram depoimento ainda no hospital. O caso foi registrado como tentativa de roubo e lesão corporal culposa.

CRONOLOGIA

Morte chocou São Paulo

23 de maio de 2010

Assassinato

Mércia Nakashima é vista pela última vez em Guarulhos.

11 de junho

Choque

Corpo da advogada é encontrado em represa em Nazaré Paulista, no interior de SP.

20 de julho

Laudo

Morte foi por afogamento e ferimentos por arma de fogo.

7 de dezembro

Prisão decretada

Justiça decreta prisão preventiva de Mizael Bispo dos Santos, ex-PM e ex-namorado da advogada, e do vigia Evandro Bezerra da Silva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.