Mário Roberto/Gazeta de Limeira
Mário Roberto/Gazeta de Limeira

Carreta cai em cratera aberta pela chuva em rodovia na região de Campinas

Acidente aconteceu em Iracemápolis, na Rodovia Comendador Américo Emílio Romi; chuvas deixaram dois mortes e 24 feridos

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

03 Junho 2016 | 22h55

SOROCABA – Os temporais que atingiram o interior de São Paulo causaram pelo menos três acidentes graves, causando a morte de duas pessoas e deixando 24 feridos. Em Iracemápolis, região de Campinas, uma carreta caiu numa cratera aberta pela enxurrada na rodovia Comendador Américo Emílio Romi (SP-306).

O veículo se partiu ao meio, mas o motorista sofreu apenas escoriações. O trecho da rodovia entre Iracemápolis e Santa Bárbara d'Oeste foi interditado e não tem previsão de reabertura.

Em Sertãozinho, região norte do Estado, a queda de uma árvore sobre a rodovia Carlos Tonani (SP-333) causou uma sequência de colisões envolvendo onze veículos, entre eles uma moto, na manhã desta sexta-feira, 3. Chovia forte e a pista acumulava água. Quatro pessoas ficaram feridas, entre elas um bebê. As vítimas foram levadas para um hospital da cidade. Os bombeiros tiveram de serrar o tronco para liberar a estrada. 

Mortes. Duas pessoas morreram depois que o carro em que viajavam sofreu uma aquaplanagem e colidiu com uma árvore, na rodovia Engenheiro Paulo Nilo Romano (SP-255), em Brotas, na madrugada desta sexta-feira. Outros dois ocupantes do veículo sofreram ferimentos graves e ainda estão internados. As vítimas – um casal de idosos – estavam internadas no Hospital Santa Terezinha. Os óbitos foram confirmados de manhã.

Em Mogi Mirim, um ônibus fretado que levava 48 pessoas derrapou na pista molhada e tombou no canteiro central. Pelo menos 18 pessoas ficaram feridas, seis em estado grave. O motorista alegou que um veículo que seguia à frente freou numa poça d'água e ele tentou evitar a colisão, mas perdeu o controle. O veículo tombado ainda deslizou por mais de 100 metros no terreno encharcado. As vítimas foram levadas para hospitais de Mogi-Guaçu e Mogi-Mirim.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo Campinas

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.