Carona assalta e mata padre de 28 anos

Ordenado padre há dois meses e 15 dias, Bernardo Muniz Amaral, de 28 anos, foi assassinado anteontem à tarde na cidade de Humberto de Campos, a cerca de 120 km de São Luis (MA). O suspeito é um homem a quem ele havia dado carona. Por volta das 15h, Amaral foi atingido com dois tiros, um no pescoço e um no tórax, entre os povoados Mutum e Quebra Anzol. Depois de atirar no padre, o criminoso levou o veículo que o religioso dirigia, uma S-10, mais R$ 400 e um celular. A vítima seguia para um encontro de párocos.

, O Estado de S.Paulo

22 de novembro de 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.