Capital terá censo de deficientes

O prefeito Gilberto Kassab (PSD) anunciou ontem a criação de um censo para mapear os deficientes da capital. Neste mês, serão enviadas cartas-resposta a 2,4 milhões de domicílios para conhecer as necessidades desse público - cerca de um milhão de pessoas na cidade. Também será possível responder, até 21 de maio, pelo site www.censoinclusao.sp.gov.br.

O Estado de S.Paulo

20 Março 2012 | 03h03

Como o resultado deverá sair até o fim de dezembro, a gestão Kassab não poderá aproveitar os dados para a criação de políticas. "É um legado que fica para os próximos anos", disse o secretário da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida, Marcos Belizário. Serão investidos R$ 3,64 milhões. / ARTUR RODRIGUES

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.