Jairo Oliveira/Alpa
Jairo Oliveira/Alpa

Cão reencontra o dono após fazer vigília na porta do hospital

'Marronzinho' ficou uma semana à espera de morador de rua internado com pneumonia em Limeira

RENE MOREIRA, O Estado de S.Paulo

23 Fevereiro 2017 | 20h38

LIMEIRA  - Após sete dias de espera, o cão 'Marronzinho' reencontrou seu dono nesta quinta-feira, 23. O animal fez vigília na porta de um hospital de Limeira (SP) depois que seu tutor, um morador de rua, foi internado. O paciente ficou na UTI com pneumonia, mas recebeu alta e, na porta da unidade de saúde, foi recepcionado pelo cão.

O homem tem 30 anos e vivia nas ruas, onde conheceu o cachorro que passou a ser seu parceiro. O animal chegou a pular dentro da ambulância para ir junto com o dono até o hospital. Após ficar mais de mais de 24 horas na porta da unidade de saúde, o cão ganhou o apoio de funcionários do local e de uma entidade de proteção aos animais. 

No reencontro da dupla - sete dias depois da internação - o cachorro se aproximou no dono e até deitou de bruços no chão para receber carinho. Já o morador de rua ganhou roupas limpas ao deixar o hospital e, ainda debilitado, será assistido por uma ONG. Ele não quis conceder entrevista, mas confirmou que levaria Marronzinho para ficar com ele na instituição.

Mais conteúdo sobre:
LIMEIRA UTI ONG

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.