Canteiro central da Av. Brasil terá azaleias e sálvias vermelhas

A Avenida Brasil, no Jardim América, zona sul de São Paulo, terá um canteiro central com jeito de jardim. O plano está previsto no termo de cooperação firmado entre a Subprefeitura de Pinheiros e a Artecfato Beach&Country. Por três anos, caberá à empresa de decoração revitalizar os 2.170 metros da via.

Elvis Pereira, O Estado de S.Paulo

31 de maio de 2010 | 00h00

O plano prevê forração do solo com grama esmeralda e a colocação das espécies pândano, moreias, sálvia vermelha, lambari roxo, maria-sem-vergonha, azaleias e bruxinhos-bola.

Não foi divulgada a data de quando tudo estará pronto. "Vai ser rápido", prometeu o diretor de criação e estilo da Artefacto, Wair de Paula. Segundo ele, o objetivo é cuidar da avenida como se fosse o "quintal de casa". "São Paulo é uma cidade muito dura. Precisamos suavizá-la."

O custo mensal da empresa com a adoção e manutenção do projeto será de R$ 34 mil. "Com o acordo, a Prefeitura economiza um valor semelhante a esse", afirmou o subprefeito de Pinheiros, Geraldo Mantovani Filho. Em troca, a empresa poderá explorar duas placas de publicidade no canteiro central.

A Subprefeitura de Pinheiros analisa uma ação semelhante para nas Avenidas 9 de Julho e Faria Lima e nas Praças João Francisco Lisboa, na Vila Madalena, e Coronel Pires de Andrade, no Jardim Europa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.