Cancelamentos de vôos causam tumultos

Quatro viagens para Buenos Aires foram cancelados

Oswaldo Faustino, do estadão.com.br

22 de maio de 2008 | 05h25

Quem pensava que o chamado "caos aéreo" era coisa do passado pode constatar, na madrugada desta quinta-feira, que ele ainda ocorre em aeroportos do país. O cancelamento de quatro vôos fretados da empresa Gol Transportes Aéreos, com destino a Buenos Aires, que deveriam decolar entre 23h20 e 23h30 de quarta-feira provocou revolta e tumulto. Cerca de 500 passageiros fizeram protesto no saguão do Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos. Os manifestantes ameaçam bloquear os vôos da companhia na manhã desta quinta-feira.  A Infraero admite que os cancelamentos ocorreram, mas não confirma o número de vôos, nem informa o que o teria ocasionado. A assessoria da Gol, porém, afirma que foram motivados pelo mal tempo em Buenos Aires e a falta de teto para o pouso. Depois de 3 horas dentro das aeronaves passageiros foram comunicados de que deviam descer e que seriam encaminhados a hotéis. A maioria, porém, rejeita esse traslado e espera a imediata solução do problema, com embarque assim que a situação se normalize na capital argentina. A empresa promete novos vôos para esse grupo para depois das 15 horas desta quinta.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.