Campanha será expandida para outras 20 regiões

A Secretaria dos Transportes pretende em breve levar para outros 20 locais da cidade a chamada Zona de Máxima Proteção ao Pedestre (ZMPP). A primeira dessas áreas foi implementada no dia 11 de maio no centro da capital paulista. São locais onde há uma intensificação de agentes da CET e também de orientadores de tráfego nos cruzamentos para dar mais segurança para a travessia.

, O Estado de S.Paulo

23 de junho de 2011 | 00h00

Para isso, foram abertas ontem as inscrições para 1.040 novas vagas de orientadores de tráfego (atualmente há 86). Essas vagas são preferencialmente para pessoas de baixa renda, que se candidatam em alguma unidade do Centro de Apoio ao Trabalho (CAT).

A campanha também será expandida no próximo mês para os corredores de ônibus - pontos que apresentam altos índices de atropelamentos. Haverá cerca de 100 orientadores de tráfego ao longo de cinco faixas exclusivas, que foram palco de 120 atropelamentos em 2010.

As ações de conscientização e para ampliar a segurança dos pedestres vão acontecer no corredor da Avenida Rebouças/Rua da Consolação (que teve 39 atropelamentos), Avenida Jabaquara/Domingos de Morais (38), 9 de Julho (16), Ibirapuera (14) e Francisco Matarazzo (13).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.