Camelôs realizam manifesto e muito barulho na 25 de Março

O movimento protesta contra a decisão da Prefeitura de não permitir novos ambulantes no local

Milton F.da Rocha Filho , Agência Estado

09 de junho de 2008 | 12h50

Um grupo de cerca de 200 camelôs realizam passeatas na Rua 25 de Março, centro do comércio de pequeno varejo de São Paulo, impedindo a partir das 10 horas, o funcionamento normal das lojas legalmente estabelecidas e dos camelôs que possuem bancas também legalmente permitidas pela Prefeitura de São Paulo.  O movimento dos camelos é pela permissão de funcionamento de novas bancas na região. A Policia Militar e da Guarda Civil Metropolitana estão a postos na região para evitar arruaças. Os camelos realizam passeatas consecutivas nos dois sentidos da 25 de Março, batendo palmas, gritando e apitando. Muito barulho. Uma tentativa de confronto ocorreu com a Guarda Civil, mas foi logo encerrado, e a passeata prosseguiu. O movimento não tem horário para terminar.

Tudo o que sabemos sobre:
manifestação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.