Camelôs podem voltar ao calçadão de S. Miguel

A Justiça concedeu ontem liminar para 200 ambulantes continuarem trabalhando no local conhecido como calçadão, em São Miguel Paulista, zona leste da capital. Os camelôs tiveram seus Termos de Permissão de Uso revogados por portaria do subprefeito do bairro. A decisão da 5.ª Vara da Fazenda Pública determinou que a Prefeitura não tire os ambulantes do local, sob pena de multa diária de R$ 50 mil.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.