Câmara impede novas obras na Serra do Japi

A Câmara de Jundiaí aprovou projeto que congela a liberação de novos empreendimentos na Serra do Japi, um dos últimos fragmentos de Mata Atlântica no Estado de São Paulo. O projeto surgiu após reportagem do Estado revelar que a Fundação Cintra Godinho, proprietária de 7,26 milhões de m² de terras na serra, havia pedido à prefeitura uma diretriz para a ocupação da área. Uma emenda apresentada de última hora garantiu que a nova lei não terá efeito retroativo sobre pedidos de licenciamento sob análise. Mas o prefeito Miguel Haddad (PSDB) assegurou que não vai autorizar as licenças solicitadas no fim de 2011 para ocupação da serra.

O Estado de S.Paulo

10 de maio de 2012 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.