Calor lota parques; Ibirapuera recebe namorados em SP

Quem ficou na capital paulista aproveitou clima do feriado para descansar

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

08 de setembro de 2007 | 18h05

Muita gente que não viajou no feriado de 7 de setembro aproveitou o clima quente e seco para ir a parques e descansar na calmaria da cidade. A temperatura neste sábado, 8, chegou à casa dos 30º, segundo o Instituto Climatempo, e o Parque do Ibirapuera - a "praia do paulistano" - virou ponto de encontro de casais.   CGE registra 11% de umidade relativa do ar em SP   Porém, a baixa umidade relativa do ar e o forte calor fez com que a Secretaria do Meio Ambiente do Governo do Estado de São Paulo decretasse estado de atenção em algumas regiões da capital, entre elas a região do parque, na zona sul. As regiões da Freguesia do Ó, na zona norte, e do INPEN/USP também estão sob alerta.   A decretação foi feita porque as concentrações de ozônio estavam acima dos padrões estabelecidos pela Legislação Ambiental e as condições meteorológicas para a dispersão dos poluentes desfavoráveis.   Mais cedo, o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) registrou alguns dos mais baixos índices de umidade relativa do ar na cidade. Às 14 horas, na região de Ermelino Matarazzo, o clima da região tinha 11 % de umidade relativa do ar, considerado muito abaixo do recomendável. O número é semelhante ao registrado em desertos, onde a umidade relativa do ar é de 12%. O índice também é bem abaixo dos 30% recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS).   A previsão é a de que o domingo a permanência da massa de ar seco que está sobre o Brasil central mantenha o clima seco. Durante esse período, alerta-se que a umidade relativa do ar ficará em torno de 20% em pelo menos 9 Estados e no Distrito Federal.

Tudo o que sabemos sobre:
IbirapueraFreguesia do Ó

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.