Cães ajudam na busca por sobreviventes em Santo André

Explosão em fábrica de fogos de artifício matou ao menos 11 pessoas; outras oito pessoas foram socorridas

Priscila Trindade, Central de Notícias

24 de setembro de 2009 | 15h03

Cães ajudam nas buscas por sobreviventes nos escombros nas proximidades da Rua Américo Guazeli, no bairro Silveiras, em Santo André, ABC paulista, onde uma fábrica de fogos de artifícios explodiu. Pelo menos 11 pessoas morreram no acidente.

 

Veja também:

mais imagens Galeria com fotos do acidente

mais imagens Foto mostra antes e depois da explosão

especialExplosão e tragédia - acidentes na última década

som Moradora de Santo André fala da explosão em loja

video Vídeo - Repórter fala da explosão em Santo André

especialTem relatos, fotos ou vídeos da tragédia? Mande para o Estadão no twitter

linkUm dos mortos era dono da fábrica que explodiu, diz prefeito

linkEnergia é cortada em rua onde ocorreu explosão no ABC

 

A explosão que ocorreu por volta do 12h45 desta quinta-feira, 24, atingiu cerca de 12 casas, deixando quatro delas totalmente destruídas. A prefeitura do município não confirma ainda se o estabelecimento era clandestino.

 

Pelo menos outras oito pessoas ficaram feridas. As vítimas serão encaminhadas ao Hospital Municipal de Santo André, segundo os bombeiros.

 

Segundo a prefeitura, estão no local 470 guardas municipais, 35 agentes da Defesa Civil, 30 funcionários do Serviço Municipal de Saneamento Ambiental (Semasa), 12 viaturas do Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) e 20 pessoas para monitorar o trânsito.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.