Paulo Liebert/Estadão
Paulo Liebert/Estadão

Cadastro para 'estrear' Bilhete Único Mensal deve ser feito até dia 15

Interessados em utilizar o cartão já na data do início de sua operação, 30 de novembro, têm até a semana que vem para se registrar na SPTrans

Caio do Valle, O Estado de S. Paulo

07 Novembro 2013 | 18h41

SÃO PAULO - Só vai poder utilizar o Bilhete Único Mensal já no dia 30 de novembro (data do início do funcionamento do cartão) quem se cadastrar no site da São Paulo Transporte (SPTrans) até o dia 15, sexta-feira da semana que vem. Quem informou foi o diretor de Gestão Econômico-Financeira da empresa, Adauto Farias. Por R$ 140, os passageiros que optarem pelo benefício poderão andar quantas vezes quiserem nos ônibus da cidade durante um mês.

O anúncio de que a estreia do serviço será no dia 30 foi feito na quarta-feira, 6, pelo prefeito Fernando Haddad (PT) e pelo secretário municipal dos Transportes, Jilmar Tatto, e revelado em primeira mão pelo portal do Estado na internet.

"Estudantes podem se cadastrar, como qualquer outro usuário. O cartão do Bilhete Único Mensal vai valer para todas as modalidades de política tarifária que existem. Hoje, se a pessoa é estudante e trabalhadora, por exemplo, precisa de dois cartões. Nesse modelo novo, ele vai poder usar um mês como vale-transporte, outro como comum, outro como estudante, conforme a conveniência", disse Farias nesta quinta-feira, 7. Os estudantes pagarão R$ 70 por mês.

Entretanto, as outras duas modalidades de Bilhete Único temporais anunciadas na campanha do prefeito Fernando Haddad (PT), o Diário e o Semanal, ainda não têm data para começar. "Vamos observar o comportamento de uso do bilhete mensal para depois, eventualmente, lançar os outros produtos", afirmou Farias.

O cadastro para o Bilhete Único Mensal pode ser feito em http://bilheteunico.sptrans.com.br. A emissão do cartão não tem custo nenhum, mas o interessado terá que retirar o bilhete em um dos 40 postos da SPTrans na cidade – a pessoa escolhe em qual deles irá buscar na hora que faz o cadastro. Os cartões dos registrados até o dia 15 poderão ser retirados na semana do lançamento do sistema.

Testes. Neste fim de semana, dez ônibus de uma garagem da empresa Vip, na zona sul, receberão o software do Bilhete Único Mensal em seus validadores, para um teste que verificará o seu funcionamento com o programa que já roda o sistema do Bilhete Único comum, para ver se não há algum tipo de incompatibilidade entre ambos durante o uso do dia a dia dos passageiros.

Até quarta-feira, 118 mil pessoas já haviam se cadastrado – a expectativa é de que este número possa subir para 2 milhões com o tempo, especialmente se a rede de transporte sobre trilhos aderir ao benefício. Contudo, o Metrô e a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), do governo do Estado, ainda avaliam se vão adotar o Bilhete Único Mensal.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.