Cabral pede ajuda da Marinha e Beltrame, da população

Para tentar conter a violência, o governador do Rio, Sérgio Cabral Filho, anunciou ontem, em entrevista ao Jornal Nacional, que pediu apoio ao ministro da Defesa, Nelson Jobim. Ele autorizou a Marinha a fornecer apoio logístico. "Acabamos de solicitar o apoio, com transporte, viaturas e equipamentos importantíssimos para o combate a esses criminosos", disse. Segundo o governador, a Marinha não vai atuar nas operações policiais, mas apenas no fornecimento de equipamentos que serão usados pela Polícia Militar.

, O Estado de S.Paulo

25 de novembro de 2010 | 00h00

Já o secretário de Segurança, José Mariano Beltrame, pediu ajuda da sociedade. "Sabemos aonde queremos chegar. A sociedade que decida de que lado está." Para ele, a sociedade deveria exigir leis mais rígidas. "Certamente informações dos presos são passadas na visita íntima e no encontro com advogados."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.