Cabo da Polícia Militar é morto durante assalto na zona leste de SP

Cabo de 43 anos foi baleado na cabeça ao ser abordado por dois criminosos que tentavam levar seu carro; dupla fugiu

Fabiana Cambricoli, O Estado de S.Paulo

24 Maio 2015 | 12h53

SÃO PAULO - O policial militar Erich Felix, de 43 anos, foi morto com um tiro na cabeça ao ter seu carro roubado em Guaianases, na zona leste de São Paulo, na noite de sábado, 23.

De acordo com informações da PM, o cabo estava de folga e passava pela Avenida Miguel Achiole da Fonseca a bordo de um Chevrolet Meriva quando foi abordado por dois homens armados. A dupla estava em um Honda Fit e teria decidido roubar outro veículo quando o alarme do Fit disparou.

Ao ser abordado, Felix desceu do carro, mas logo foi atingido por um tiro na cabeça. A PM não sabe se ele reagiu, mas disse que não há indícios de confronto. 

A dupla de criminosos fugiu levando o carro e a arma de Felix. O policial foi levado ao Hospital Geral de Guainases, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Até as 13h de domingo, 24, nenhum suspeito pelo crime havia sido preso. O cabo Felix estava na PM desde 1997 e atuava no 28º Batalhão de Polícia MIlitar Metropolitano (BPM/M), na zona leste.

Mais conteúdo sobre:
polícia militarviolência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.