Buscas por garoto desaparecido serão retomadas na manhã deste sábado

Garoto entre 10 e 11 anos teria caído num piscinão da Prefeitura, no Vale do Aricanduva

RICARDO VALOTA - Estadão.com.br,

12 Fevereiro 2011 | 03h52

SÃO PAULO - Os bombeiros retomam, após as 7h30 deste sábado, 12, buscas a um menino, com idade entre 10 e 11 anos, que, segundo testemunhas, teria caído, por volta das 17h45 de sexta-feira, 11, num piscinão da Prefeitura localizado entre a Avenida Aricanduva e as ruas Costeira e Fortuna de Minas, no Vale do Aricanduva, zona leste de São Paulo.

Até as 3h30 desta madrugada de sábado, nenhum parente da criança, cuja identificação a polícia não possui, havia procurado a Polícia Militar ou o plantão do 66ª Distrito Policial, responsável pelo registro de ocorrências na região. Três mergulhadores dos bombeiros iniciaram as buscas, por volta das 18h30, cerca de 45 minutos após testemunhas ligarem para o 193, mas não haviam encontrado ninguém até o anoitecer.

Não chovia na região no momento em que pedestres viram o garoto caindo no piscinão, cuja água, acumulada das últimas chuvas, estava num nível suficiente para encobrir o garoto, que teria caído no piscinão quando corria atrás de uma bola.

Mais conteúdo sobre:
São Paulo cidades

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.