Brincadeiras antigas fazem sucesso neste Dia das Crianças

Principais pontos turísticos da capital receberam eventos comemorativos neste domingo

O Estado de S. Paulo

12 de outubro de 2014 | 20h43

SÃO PAULO - O domingo de Dia das Crianças foi comemorado em família nos principais pontos turísticos da cidade. Quem foi à Avenida Paulista, no centro, ou ao Parque do Ibirapuera, na zona sul, aproveitou o dia de sol para relembrar - ou ver pela primeira vez - brincadeiras tradicionais de rua, como Amarelinha, Corre Cotia, pular corda e bambolê.

Próximo à Paulista, a rua Leôncio de Carvalho ficou fechada até a Alameda Santos das 11h às 17h só para brincadeiras e shows infantis. A iniciativa foi do Itaú Cultural, que promoveu o evento “Se Essa Rua Fosse Nossa”, em comemoração ao Dia das Crianças. 

As famílias que foram ao evento brincaram de Corre Cotia, Mãe da Rua, Rouba-Bandeira e outras brincadeiras de corda.Em paralelo, os pais e crianças acompanharam os shows da orquestra de rua da Grande Companhia Brasileira de Mystérios e Novidades, um grupo de músicos que tocam em pernas-de-pau, e da violonista, percussionista e compositora Badi Assad.


Aprendizado. Já no Parque do Ibirapuera, a partir das 13h ocorreu a “Oficina de coisas banais que você deveria ter aprendido na infância, mas não aprendeu”. O evento foi criado por amigos no Facebook e fez sucesso. O nome é longo, mas a proposta é simples: ensinar gente grande a andar de bicicleta, assobiar e a brincar com bambolê. “O evento é mais uma reunião das pessoas que se interessaram e de quem tem a intenção de ensinar”, conta uma das organizadoras, a estudante de Publicidade Isabella Martinez de Oliveira, de 21 anos. 

Em toda a cidade, museus do Estado, como o da Língua Portuguesa, do Futebol e da Imagem e do Som, tiveram ainda programação especial dedicada ao Dia das Crianças.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.