Brasileiros perdem R$ 505 por ano esperando produtos

Pesquisa da empresa de tecnologia TOA encomendada à Zogby Ibope, feita com mil pessoas entre os dias 12 e 13 de setembro, aponta que os brasileiros perdem R$ 505 por ano enquanto aguardam por serviços em domicílio. Isso equivale a três dias de trabalho, segundo a percepção dos próprios consumidores. O cliente espera mais quando compra imóveis, gasta com saúde e recorre a serviços de internet.

O Estado de S.Paulo

28 Novembro 2011 | 03h02

"O crescimento do comércio virtual aumentou a quantidade de problemas", diz Mariana Alves, advogada do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor.

Dados do Procon de São Paulo indicam que a insatisfação do consumidor não para de crescer. Desde que a lei entrou em vigor, a porcentagem de reclamações relativas à entrega de produtos e serviços passou de 8,8% para 13,6% do total de reclamações. No primeiro semestre, foram 27 mil queixas do tipo, de um total de 200 mil recebidas pelo Procon. /M.A.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.