Alex Silva/AE
Alex Silva/AE

Boxeador desaparecido é reecontrado pela família em Guarulhos

David Lourenço, de 20 anos, estava desde sexta-feira sem dar notícias; atleta estava na casa de um amigo e, segundo o pai, tem sinais de depressão

16 Agosto 2012 | 11h38

SÃO PAULO - O boxeador David Lourenço, de 20 anos, foi localizado pela família na noite de quarta-feira, 15, após seis dias desaparecido. O jovem, campeão mundial juvenil e ouro nos Jogos Olímpicos da Juventude, estava na casa de um amigo em Guarulhos, onde mora, e, segundo seu pai, apresenta sinais claros de depressão. A informação é do site Gazeta Esportiva.

Lourenço não era visto desde sexta-feira, quando saiu de madrugada para se dirigir ao Centro de Treinamento da Seleção Brasileira, também em Guarulhos. Depois de dias perambulando sem destino com seu carro, o atleta resolveu abrigar-se na casa de um colega, que, dada a grande repercussão do caso na mídia e o envolvimento da polícia, decidiu ligar para os parentes do pugilista.

O pai do atleta, Ailton Cardoso de Deus, disse em entrevista à Gazeta Esportiva que o filho saiu de casa porque estava frustrado por não ter se classificado para os Jogos Olímpicos de Londres. O atleta manifestou o desejo de abandonar o esporte, declarou Cardoso. O Estadão.com.br não conseguiu localizar os parentes do boxeador.

Mais conteúdo sobre:
boxeadordavid lourenço

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.