Barco com 40 turistas vira no Amazonas

Acidente com embarcação do Hotel Ariaú, um dos mais conhecidos da região, teve feridos leves

RENATA MAGNENTI , ESPECIAL PARA O ESTADO , MANAUS, O Estado de S.Paulo

08 Setembro 2012 | 03h02

O barco Ariaú Açu, do Hotel Ariaú, naufragou ontem com 40 passageiros no Rio Negro, a 15 km de Manaus. A embarcação deixou o hotel, um dos mais conhecidos da região, por volta das 17h e não conseguiu concluir a viagem até a capital amazonense. De acordo com o Corpo de Bombeiros, não há mortos.

Segundo o capitão Muniz, do Corpo de Bombeiros, 26 pessoas haviam sido resgatadas, estavam bem e foram encaminhadas para o Hospital 28 de Agosto, em Manaus, até as 23 horas de ontem. "Montamos uma base de apoio na Marina do Davi, próximo do local do naufrágio", disse.

De acordo com turistas, no momento do acidente chovia e ventava muito na região. "As correntes do Rio Negro são muito fortes, suficientes para derrubar um barco. E, no local do acidente, o rio tem largura aproximada de 4 metros", disse o capitão.

Segundo Muniz, 12 mergulhadores trabalham na área para encontrar os demais turistas brasileiros e estrangeiros. A Capitania dos Portos, que fiscaliza esse tipo de transporte, não foi localizada para falar sobre o caso.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.