Bombeiros reiniciam buscas no local do acidente com avião da TAM

Trabalhos de busca são retomados após serem suspensos pelo risco de desabamento

Paulo R. Zulino, do estadao.com.br,

25 de julho de 2007 | 12h33

O Corpo de Bombeiros reiniciou na manhã desta quarta-feira, 25, a varredura nos escombros do prédio da TAM Express, na região de Congonhas, zona sul de São Paulo. Os trabalhos de busca às vítimas do vôo 3054 tinham sido suspensos na noite de terça-feira em razão da chuva, que tornou as lajes muito escorregadias e aumentou o risco de desmoronamento do prédio, com o qual o Airbus da TAM se chocou, na terça-feira, 17.    O local do acidente  Quem são as vítimas do vôo 3054  Histórias das vítimas do acidente da TAM  Galeria de fotos  Opine: o que deve ser feito com Congonhas?  Cronologia da crise aérea  Acidentes em Congonhas  Vídeos do acidente  Tudo sobre o acidente do vôo 3054     De acordo com a Secretaria Estadual de Segurança Pública, pelo menos 30 bombeiros trabalhavam nas estruturas da parte de trás do edifício nesta quarta. A ação dos bombeiros visa tentar encontrar fragmentos de corpos e outras partes do avião. Até esta quarta, 74 vítimas foram identificadas pelo IML de São Paulo. São consideradas vítimas do acidente 199 pessoas: 187 passageiros, cinco pessoas no solo e outras sete estão desaparecidas.

Tudo o que sabemos sobre:
vôo 3054mortos no vôo 3054

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.