Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Bombeiros investigam pó branco em Consulado dos EUA

Oito viaturas foram deslocadas para atender ocorrência; Secretaria de Segurança Pública informa que houve suspeita de antrax

O Estado de S.Paulo

17 Novembro 2015 | 13h41

SÃO PAULO - O Corpo de Bombeiros fez vistorias na manhã desta terça-feira, 17, no Consulado dos Estados Unidos em São Paulo, em Santo Amaro, zona sul da capital paulista. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), as autoridades foram chamadas ao local depois de um pacote contendo "pó branco" ter sido jogada no prédio. A suspeita era de que se tratase de antrax, doença pulmonar causada por bactérias e utilizada em ataques terroristas.

O Corpo de Bombeiros confirmou às 12h30, no entanto,  que foram feitos testes que tiveram "resultados negativos para produtos químicos ou biológicos". 

Por volta das 9 horas, havia oito viaturas no local. Parte das pessoas que foram obter visto teve de ser deslocada para uma sala separada por risco de contaminação. As atividades foram retomadas cerca de uma hora e meia depois.

Em nota, o consulado informou que já está operando normalmente e confirmou que investigou um pacote que "levantou suspeitas" por segurança. 

Mais conteúdo sobre:
SÃO PAULO Estados Unidos Santo Amaro

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.