Bombeiros conseguem retirar homem de torre de energia após três horas

Com faixa bloqueada na Marginal do Tietê, trânsito piorou; corte de luz afetou parte da zona norte

Marcela Bourroul Gonsalves, estadão.com.br

29 Julho 2011 | 15h42

SÃO PAULO - O homem que subiu em uma das torres da Eletropaulo na pista expressa da Marginal Tietê, na altura da Ponte Cruzeiro do Sul, foi retirado pelos bombeiros por volta das 15h desta sexta-feira, 29. Ele ficou cerca de 3 horas no local. Por questões de segurança, a energia foi desligada, afetando parte da zona norte de São Paulo.

 

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a faixa da esquerda da pista expressa da Tietê, no sentido Ayrton Senna, foi liberada. Havia, no entanto, por volta das 16h, quase 13 km de lentidão na via, da Rodovia Castelo Branco até Ponte Cruzeiro do Sul, local da ocorrência. Na pista local, havia lentidão da Ponte da Freguesia do Ó até a Cruzeiro do Sul, e da Ponte Atílio Fontana até a Ponte do Piqueri. Na pista central, o tráfego era lento da Ponte da Freguesia do Ó até a Ponte da Casa Verde.

 

Mais cedo, em nota, a Eletropaulo informou que desligou o fornecimento de energia por volta das 12h15, a pedido do Corpo de Bombeiros, em trechos dos bairros Jaçanã, Mandaqui, Santana, Vila Guilherme, Vila Maria e Tucuruvi. O restabelecimento só poderia ocorrer depois que trabalho da equipe dos bombeiros fosse finalizado, o que ocorreu por volta das 15h16, segundo a empresa.

 

Atualizado às 16h20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.