Bob Geldof defende Ocupe Wall Street

Bob Geldof é um ativista prático. Está menos interessado em convencer pessoas a abraçarem uma causa do que em mostrar que, seja lá o que façam, podem mudar alguma coisa. "Veja o Ocupe Wall Street", analisa o famoso cantor e produtor do evento beneficente Live 8, em entrevista ao 'Estado', na ocasião de sua palestra no SWU. "Os caras estão simplesmente bravos. Os críticos apontam que eles não têm um propósito, mas isso não interessa. Eles estão frustrados por diferentes motivos, mas estão todos dizendo que a economia não está funcionando a favor dos 99%. Isto basta."

O Estado de S.Paulo

15 Novembro 2011 | 03h01

Pouco antes, em uma palestra de meia hora, Geldof havia falado sobre o impacto da internet na democracia mundial. Ao contrário de muitos palestrantes, Geldof conseguiu motivar sem pieguice: "Há uma beleza simples nestes movimentos de protesto. As pessoas estão dizendo a coisa mais básica de todas: 'Não estamos contentes'."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.