Blitz apreende 3 mil brinquedos e autua cinco comerciantes na 25 de Março

Bonecas com cabelos longos e loiros, águias que movimentam as asas e acendem os olhos, além de carrinhos de controle remoto foram alguns dos 3 mil brinquedos retirados ontem das prateleiras de lojas na região da 25 de Março, no centro. Aparentemente inofensivos, os itens, segundo a polícia, representam riscos às crianças, pois não tinham selo de qualidade que atestam serem seguros. Cinco pessoas foram presas e liberadas no fim da tarde.

O Estado de S.Paulo

26 de setembro de 2012 | 03h12

As apreensões ocorreram durante a blitz batizada de Brinquedo Seguro. "São brinquedos que podem soltar peças e tinta tóxica ao serem manuseados", explica o delegado Renato Ferreira, da Divisão de Crimes contra o Consumidor.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.