Bingo com acesso secreto é alvo da PM em restaurante japonês na zona oeste

Denúncia anônima auxiliou a polícia; sistema com 9 câmeras controlava o entra-e-sai da clientela

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

11 Novembro 2011 | 01h30

SÃO PAULO - Três passagens secretas permitiam o acesso de uma clientela fixa a um bingo instalado nos fundos de um restaurante japonês localizado na altura do nº 1.422 da Rua Guaipá, na Vila Leopoldina, na zona oeste da capital paulista.

 

Uma denúncia anônima levou policiais militares do 4º Batalhão, às 21h15 de quinta-feira, 10, ao local onde a jogatina funcionava. Os PMs chegaram no estabelecimento e convenceram os seis funcionários a levá-los para os fundos do comércio. Todas as 30 máquinas caça-níqueis estavam desligadas. Não era dia de apostas.

 

O dono do restaurante e do bingo também foi localizado e, assim como os seus empregados, foi levado para o plantão do 7º Distrito Policial, da Lapa. "Não encontramos drogas nem armas. Havia nove câmeras de segurança instaladas no local. Pelo que percebemos, essas máquinas nunca foram lacradas", afirmou o tenente PM Datti.

 

Os sete homens encaminhados para a delegacia passariam por identificação e só deve ficar preso quem tiver alguma dívida com a justiça. Os demais são liberados e poderão comparecer perante o juiz para depor caso o andamento do inquérito que foi aberto pela Polícia Civil assim exija.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.