''Beirutaço'' por lanchonete reúne 300 pessoas

O "Beirutaço da Resistência" começou às 15h01 de ontem ao som da banda Chupisco. O movimento, contra o fechamento da lanchonete Frevo da Oscar Freire, nos Jardins, zona sul de São Paulo, reuniu cerca de 300 pessoas. Todas assinaram requerimento contra o fechamento do local, cujo prédio, onde funciona há 55 anos, foi comprado por uma incorporadora.

Pedro Antunes, O Estado de S.Paulo

19 de junho de 2011 | 00h00

"Comecei a conversar com os garçons e eles me disseram que o lugar poderia fechar. Não acreditei", disse Léo Coutinho, habitué que ajudou a organizar o evento pelo Facebook. "É emocionante ver esse tipo de manifestação. Acontece que ainda não se sabe se vão fechar mesmo. Tenho contato até 2012", disse o dono do local, Roberto Frizzo.

A possibilidade de fechamento do Frevo indignou até quem não nasceu em São Paulo. Ou no Brasil. O consultor Duncan Scott Lawrie, de Londres, não se conformava. "Isso é uma tragédia."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.