Beira-Mar é julgado por crime dentro da cadeia

O traficante Luiz Fernando da Costa, de 46 anos, o Fernandinho Beira-Mar, que cumpre pena na penitenciária federal de Catanduvas (PR), está no Rio, onde foi julgado por dois homicídios e uma tentativa, ocorridos em 27 de julho de 2002 numa favela de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

O Estado de S.Paulo

13 Março 2013 | 10h21

Nessa época o traficante estava preso em Bangu 1, na zona oeste do Rio, e teria ordenado as mortes por telefonema feito através de celular.

A audiência no 4º Tribunal do Júri começou às 15h, sob forte esquema de segurança. Ao rever familiares, Beira-Mar acenou e mandou beijos, e por isso foi repreendido pelo juiz. A sentença deveria sair no início da madrugada de hoje. / FÁBIO GRELLET

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.