ALEX SILVA/ESTADAO
ALEX SILVA/ESTADAO

Bebê de sete meses morre em incêndio na Zona Leste de São Paulo

Outras duas crianças que estavam na residência atingida pelo fogo foram intoxicadas pela fumaça e levadas para Pronto Socorro

Redação, O Estado de S.Paulo

09 de maio de 2020 | 05h23

Uma menina de setes meses morreu carbonizada em uma casa na Casa Líder, Zona Leste de São Paulo, após um incêndio na madrugada deste sábado, 9. Outras duas crianças que estavam na residência atingida pelo fogo, de um ano e seis meses e dois anos e seis meses, foram intoxicadas pela fumaça.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, as duas crianças foram levadas para o Pronto Socorro São Mateus, no bairro homônimo. Apesar de o fogo já ter sido apagado, ainda não há informações sobre a causa do incêndio. Sete equipes da corporação estiveram na operação.

Cuidados ao ficar em casa

O incêndio ocorreu em um momento em que as pessoas estão passando mais tempo em casa. No isolamento social, devido ao novo coronavírus, é preciso estar atento, pois a residência também pode esconder riscos.

Tapetes, móveis pontiagudos, pisos molhados e tomadas com vários aparelhos eletrônicos conectados podem causar acidentes, como quedas, ferimentos e incêndios. Fogões, celulares na tomada, superaquecimento em aparelhos eletrônicos, álcool e produtos inflamáveis podem causar explosões ou incêndios em residências.

Tudo o que sabemos sobre:
São Mateus [São Paulo]incêndio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.