Bebê de grávida morta em assalto no Campo Limpo recebe alta

Gabriela, filha da assistente administrativa Daniela Nogueira de Oliveira, que morreu aos 25 anos depois de ser atingida por um tiro na cabeça durante um assalto, recebeu alta na tarde de ontem do Hospital Municipal de Campo Limpo, na zona sul de São Paulo.

O Estado de S.Paulo

14 Janeiro 2013 | 02h02

Gabriela nasceu de uma cesariana depois da morte de sua mãe, que estava grávida de nove meses. As informações são da Secretaria Municipal de Saúde.

Na tarde de ontem, um suspeito de ter participado do assalto foi detido. Como não foi reconhecido por uma testemunha, acabou liberado. Outro suspeito, Alex Alcântara de Arruda, de 22 anos, foi reconhecido na sexta-feira e teve a prisão temporária decretada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.