Bêbado, motorista atropela e mata pedestre em Campinas

Willian Rocha, 19 anos, não tinha habilitação e após pagar fiança foi liberado; uma pessoa ficou ferida

Elvis Pereira, do estadão.com.br,

07 de agosto de 2008 | 00h18

Sem habilitação, o balconista Willian Rocha, 19 anos, atropelou no fim da madrugada desta quarta-feira, 6, dois pedestres no acostamento da Rodovia Santos no Dumont, em Campinas, no interior de São Paulo. Uma das vítimas morreu. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o teste do bafômetro apontou que o motorista estava embriagado. O acidente ocorreu às 5h37 no acesso da via para a pista sul da Anhangüera, região do bairro Jardim do Trevo. Guiando uma CG Titan preta, Rocha atingiu Amarios Estevam da Silva Neto, 35 anos, e uma mulher. Ela e o balconista se machucaram levemente e foram levados ao Pronto-Socorro São José. Em estado grave, Neto foi encaminhado ao Hospital Mário Gatti, mas não resistiu aos ferimentos. No PS, de acordo com o boletim de ocorrência, Rocha estava desorientado, sonolento e era incapaz de responder às perguntas feitas pelos policiais. Ele foi autuado 2º DP da cidade. Após pagar fiança, foi liberado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.