Batida entre ônibus e carro deixa 2 mortos e 27 feridos em Ibitinga

Casal que viajava no automóvel morreu na estrada; motorista do ônibus disse que carro transitava na contramão

Sandro Villar, Especial para O Estado de S. Paulo

10 Agosto 2014 | 12h56

Um casal que viajava em um carro morreu e 27 passageiros de um ônibus ficaram feridos na noite desse sábado, 9, quando os veículos bateram na Rodovia Deputado Leônidas Pacheco Ferreira (SP-304), em Ibitinga, no centro-oeste paulista. As vítimas fatais são Rivelino Lima e Tainá Aparecida Ribeiro Farramba.

Eles morreram na hora; entre os feridos, um está em estado grave. Lima dirigia um automóvel Gol, com placa de Itápolis. "O carro transitava na contramão e houve uma colisão frontal, conforme nos relatou o motorista do ônibus João Paulo da Silva Francisco", explicou Rogério Avelino, de 35 anos, soldado da Polícia Rodoviária de Itápolis.

De acordo com o vigilante rodoviário, o motorista do ônibus tentou desviar do carro. "Ele não teve tempo hábil para evitar a colisão. Depois da colisão, ele perdeu o controle da direção e caiu em um barranco de dez metros de altura", completou.

O motorista do ônibus não se feriu. O carro do casal ficou completamente destruído. Os feridos foram atendidos na Santa Casa de Ibitinga. Alguns passageiros com lesões passaram a noite em observação.

Mais conteúdo sobre:
acidente Ibitinga

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.